STF Julga Constitucional a Lei da Terceirização (LEI 13.429/2017)

Dra. Celita Oliveira Sousa, advogada sócia da Ope Legis Consultoria Empresarial recebeu com grande satisfação o resultado do julgamento pelo STF das ADIS. Que confirmou sua tese da licitude da terceirização de todas as atividades, meio e fim, ressalvando, por obvio as funções de estado.

A sua primeira defesa da constitucionalidade da terceirização. Foi perante o TST em 1979 e em seguida no STF, já tendo publicado 4 livros.

Abordando esse assunto tendo sido primeiro lançado em 1983, ou seja, há mais de 30 anos.

Afirma que esse é mais um caso judicial que prova o adágio: Á Justiça tarda mas não falha.

 

Dra. Celita Oliveira

 

@opelegis1