Proportion
Categories: Notícias

A Lei 14.448/21 instituiu o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse), com o objetivo de socorrer o setor de eventos em razão das perdas decorrentes do estado de calamidade pública (COVID-19).
Consideram-se do setor de eventos as pessoas jurídicas que exercem as seguintes atividades: realização ou comercialização de eventos, buffets, casas noturnas e de espetáculos, hotelaria, administração de salas cinematográficas, prestação de serviços turísticos na forma do art 21 da Lei Geral de Turismo.

Gostou? Então acompanhe a nossa série de posts sobre o assunto.
Compartilhe, marque, divulgue, reposte!

Quer saber mais? Acesse nossos canais:
OPELEGIS1(Instagram, Facebook, LinkedIn e YouTube)

Dra. Raquel Corazza
Opelegis Consultoria Empresarial
opelegis@opelegis.com.br

#opelegis1#opelegisconsultoria
#perse#perseverança#eventos#hoteis#hotel#turismo#covid_19#restaurantes#cadastur#leigeraldoturismo#direitoempresarial#direitotributario#direitotributário#consultoriajuridica#consultoriaempresarial#contencioso