Proportion
Categories: Notícias

A 1ª seção do STJ definiu que “no caso do Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação, referente à doação não oportunamente declarada pelo contribuinte ao Fisco estadual, a contagem do prazo decadencial tem início no primeiro dia do exercício seguinte àquele em que o lançamento poderia ter sido efetuado, observado o fato gerador, em conformidade com os artigos 144 e 173, inciso 1, ambos do CTN.”

Gostou? Então compartilhe, marque, divulgue, reposte!

Quer saber mais? Acesse nossos canais:
OPELEGIS1(Instagram, Facebook, LinkedIn e YouTube)

Dra. Raquel Corazza
Opelegis Consultoria Empresarial
opelegis@opelegis.com.br

#itcmd#tributo#stj#tributário#opelegis1#opelegisconsultoria#direitoempresarial#direitotributario#direitotributário#consultoriajuridica#consultoriaempresarial